—Contém poesia—

Posted: 10 Abril, 2008 in Liberdade, Literatura, Opinião, Poemas, Poesia, Portugal, Social, Suíça

Foi ao acaso que descobri este blog, o qual quero partilhar convosco.

Parabéns “Mané”

Comentários
  1. Mané diz:

    Ora viva Xô Manél, como vão esses ossos? espero bem, há já alguns aninhos que não nos vimos hein!!!! e agora tu vieste ao acaso encontrar-me, vejam lá o que é a vida IoI.

    Fico feliz pelo destaque do meu blog aqui no seu site e tb mto agradecido, não sei se as pessoas gostam, mas eu nem acho o meu blog um grande quê, há blogs por aí com mto mais conteudo que o meu e mto mais interessantes, mas gostos são gostos e tá-se bem.

    As coicidencias da vida IoIoI ainda há alguns dias tinha falado do meu blog a um nosso colega IoI.

    Mais uma vez obg pelo destaque e o mail que me pedis-te, é o que deixo aqui, que não é publicado mas que penso que atraz do “palco” tu o conseguirás ver e assim fico á espera do teu mail e pronto para te dar a tal informação de que falas no comentario deixado no “Frágil”.

    Parabens pelo site e inté jazz

    Mané

  2. vera diz:

    Belo Blog. Só descobri hoje.

  3. Mané diz:

    Obg Vera, gentil da sua parte.

  4. M. João diz:

    Ó Frágil-Mané, a minha cabecinha de poeta está mais lenta que a chuva de Agosto… Eu sou fã do Frágil desde o dia em que ele me perguntou de que cor eram as estrelas! Tudo é possível, sim senhor! Tão possível, tão possível, como eu ter andado quase três meses a passear pela net sem um anti-vírus! Mas eu continuo sem saber quem está por detrás da máscara….
    Abraçuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu poético….

  5. vera diz:

    Muitos se escondem atrás da máscara para não dizer quem é realmente.
    Um pseudõnimo é uma máscara.
    Um e-mail falso é uma máscara.

    Digo isso porque tem alguém que contacta comigo virtualmente que usa máscara. Não é quem diz que é.

    Quanto a máscara que o M. João diz, não sei dizer.

    Abraços.

  6. vera diz:

    Peço desculpas ao Frágil. A resposta não é para ele.
    Mas depois de ler seu poema, entendo perfeitamente o significado, mas não aceito “Máscaras”.

    Então faço do comentário um texto o qual não consegui postar em seu blog.

    “Tire a Máscara”

    Nada de máscara esta noite?
    E esta que aí está ? Tire a máscara!
    Com ela não se vê quem está atrás.
    Não importa as cores.

    Máscara é sempre máscara!
    Ela pode ser… mentira, esconderijo ou defesa.
    Ou a verdade que não quer falar?
    Tire a Máscara e seja verdadeiro!

    Como acreditar em quem esconde a cára?
    Acreditar que dessa máscara faz seu esconderijo?
    A máscara aí está! Tire a Máscara e seja sincero!

    Vestiu de pierrô…
    Pra esconder seu sentimento.
    Partiu pro mundo pra defender-me ou defender-se?
    Sua máscara é sua defesa. E aí ela está.

    Deus não só te ouviu… Como te carregou…
    Quando sua ira em seu coração brotou.
    Se acredita que lá em cima tem quem faz milagres.

    Não duvides que ele não te ouviu.
    Você não é o Cristo que quero ver.
    Mas pode fazer o que ele ensinou…

    “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” (João 8:32).
    “Quem crê em mim também fará obras que eu faço e as fará maiores do que esta” (João 14:12).

    Não quero comprar teus sentimentos
    Quero apenas que…
    Tire a Máscara!

    Não quis mudar o seu destino.
    Pois cada um tem o seu.
    Por isso chama destino.
    E foi esse que Deus me deu.

    Por isso…

    Tire a Máscara! Ela não servirá para nada mudar.
    Nem tampouco suas palavras…
    Que atrás da máscara está.

    Portanto…

    Tire a Máscara.
    E a verdade vos libertará.

    Vera- Londrina-Paraná/Brasil

    Obs. Este texto foi escrito por ter uma pessoa que me contacta a qual usa máscara para se esconder.

  7. vera diz:

    Já consegui postar no blog do Frágil, com pequena modificação.

  8. vera diz:

    Obrigada Manuel Araujo por postar este blog
    Fiquei fascinada pelas poesias, e, foi-me essencial para que desse mais um salto em escrever.
    Já lhe disse que nunca fui poetisa, mas, de uma faço outra.

    Mais uma vez muito obrigada.

    Obs. Veja lá mais um post p’ro “mané” ao poema “ao amor”.

  9. Mané diz:

    Obg Manél pela foto…

    Está publicada by “Frágil”

    Abraço

  10. Estrelinha diz:

    Frágil é sempre Frágil e Mané é sempre Mané com máscara ou sem ela…
    Mané concordo contigo Não nos devemos expôr na totalidade, só o que queremos e axamos que devemos, eu também uso máscara…por explo: meu nome não é estrelinha…um bem haja á pessoa e ao amigo que és…adoro-te amigo

    beijinho terno e doce em tu querido

    Manuel Araújo parabens pelo site e parabens por conheçeres uma pessoa tão espaçial como o Mané…beijo em ti tb

  11. Vera diz:

    Querida estrela que se faz “brilhar”?
    Não entendeu nada sobre a “máscara” que postei.
    Ficou bem explicado logo acima.
    Se voltar a ler
    Talvez possa entender
    Se voltares aqui preste mais atenção
    Talvez está faltando um pouco de luz
    Na estrelinha que se fez presente.
    Cada um tem o direito de aceitar ou não
    Cada um tem o direito que querer postar ou não.
    O espaço está aqui (isto chama “DEMOCRACIA”).
    Não estive a ofender nenhum dos dois.
    Aqui vou postar o que quero e o que “ACHO” que devo
    Desde que o dono permitir.
    E postei aqui porque este Manuel daqui
    Foi o primeiro a fazer uma publicação minha
    Simples ou não, mas o fez.
    Não vejo maldade em brincar com algumas palavras.
    Da mesma forma que se dirigiu aqui sobre “expor”
    Tomei pra mim a mensagem.
    Será a apresentação da estrelina ou é “marketing”?

    PS. “ACHAR”= encontrar, descobrir, entender, julgar, verificar.
    a.char
    (lat afflare) vtd 1 Deparar, encontrar por acaso ou procurando: Caiu do burrinho, mas achou um diamante. vtd 2 Atinar com, descobrir, inventar: Achara um método mais eficiente de ensinar. vtd 3 Conseguir, obter: Não acharia emprego. vtd e vpr 4 Acreditar(-se), considerar(-se), julgar(-se): Acho-o inadequado para isso. Achou-se feliz na nova situação. vtd 5 Advertir, notar: Achei vários erros em seu trabalho. vtd 6 Reconhecer, sentir: Acho-o superior a mim. vpr 7 Concluir-se, deduzir-se, inferir-se: Após os debates, achou-se que era inoportuna a negociação. vpr 8 Receber auxílio ou socorro; poder contar com: Achara-se apenas com seu cão. vpr 9 Assistir, estar presente: Achamo-nos no centro da cidade. vpr 10 Estar: Acha-se em crítica situação. Antôn: descrer, desencontrar, perder. Achar bom: gostar de. Achar o fio da meada: descobrir um enredo, encontrar meio ou modo de esclarecer o que está confuso. Achar ruim, pop: desagradar-se de uma atitude, gesto ou palavra de outrem.

    encontrar, descobrir, entender, julgar, verificar.

    “AXE” =axe
    a.xe
    (cs) sm (lat ashè) Arc 1 V eixo. 2 V áxis.

    Eixo. E nos seus axes correm cintilantes (Camões). Os dicionários indicam a pronúncia “Akçi”; mas parece que o xis não tinha nunca o valor “kç” ao tempo de Camões.

    Axe=feridinha, borbulha.
    Axis= segunda vértebra cervical.

  12. Estrelinha diz:

    olha vera pareçe que te picas-te querida, ofendi-te?
    qual é o teu problema?
    o meu comentário nao foi para ti foi para o Mané ( frágil )que conheço de longa data ,e se democracia é isso que acabas-te de fazer, então seremos democráticas, burra não sou ,mas pareçe que a menina tem muita palavra que não conheçe, como esta por explo:
    expor: ( expor ele não tu )já que a máscara era a dele

    aqui está o significado da palavra expor:
    verbo transitivo
    1. pôr à vista; mostrar; patentear;
    2. fazer exposição de; apresentar;
    3. narrar; explicar;
    4. abandonar (recém-nascidos);
    5. colocar em perigo;

    verbo reflexo
    1. mostrar-se;
    2. arriscar-se;

    entendes-te?

    não ofendi ninguem muito menos a ti que não te conheço de lado nenhum para vires para aqui ofender a minha pessoa, toda a estrela tem o seu brilho, eu tb tenho o meu

  13. Vera diz:

    Querida estrelinha…Continua não entendendo o enredo da “Máscara”.E não é do Poema “Sem Máscara” do ( Frágil)Mané.
    Teve sua interpretação e eu tenho a minha.
    E a quem eu dirijo-me sobre “Tire a Máscara” entendeu muito bem.
    Você não me conhece mesmo! Mas meu nome verdadeiro está postado aqui e lá também.Não preciso de “máscara”.
    Conheço bem o “Expor” e o “Achar” mas não o seu “Axar” que citou no sentido da palavra que explicou.Ou você continua “axando”?
    Tanto é que se sentiu “exposta aqui”

  14. Vera diz:

    Claro que Você tem seu briho!
    Todos temos. Uns mais outros menos! (brinquei com as palavras).
    Além disto que escrevi “estrelinha”…
    Você “PAREÇE”? OU “PARECE” UMA ESTRELINHA.
    Eu PAREÇO ser quem eu sou.

    Também concordo que o Mané (fragil)é “ESPECIAL” e o Manél (Araujo) é “ESPECIAL”. Só que o Araújo é Espacial(Um enorme espaço nesta página, mas nem o Mané (Frágil) nem Manél (Araujo) é “ESPAÇIAL”

  15. Vera diz:

    Quero aqui pedir minhas desculpas ao Manuel Araujo pelo desfecho dos comentários acima.

    Com atraso… Se for aquela data de aniversário do O…

    Desejo-lhe Parabéns. Que Deus o ilumine hoje e sempre.

  16. Estrelinha diz:

    Em primeiro lugar quero pedir mil e uma desculpas ao Manuel Araújo por esta picardia ( como bom português sabes o bom sentido da palavra ) com a Vera.

    segundo corrijo ,não é ” Espaçial” queria dizer ” Espeçial ” engano na tecla .

    Depois Vera entendi muito bem o sentido da Máscara já que tu andavas enganada no Mané suspeitavas que fosse um e é outro, e a Máscara é dirijida a outro, nem que fosse ao mesmo nada tenho a ver com isso, apenas dei o meu pareçer uma vez que a máscara era a do Frágil e tu fizeste a tua adaptação, devo dizer e frisar muito bem : ENTENDI O SENTIDO DA MÁSCARA.

    e REPITO : O COMENTÁRIO ERA PARA O FRÁGIL

    quanto ao ” axar ” de que falas, confesso que li e reli o que escrevi e não encontrei essa palavra no meu comentário, encontrei sim axamos ( é apenas um calão portugues que utilizamos muito mas o palavra mesmo é: ” achamos ” por isso não entendo o que queres dizer.

    já vi que tu pensas que és a dona da razão, portanto fica na tua que eu fico na minha , claro que todos nós temos o nosso brilho uns mais outros menos mas pareçe que te queres fazer brilhar mais do que realmente mereçes, portanto este é o meu ultimo comentário á tua pessoa.

    ps: eu optei por usar uma máscara ” estrelinha” portanto respeita que eu respeito todos se tu preferes utilizar o teu verdadeiro nome ” será? ” eu não, são opções QUERIDA, e cada um tem direito á sua já que vivemos em democraçia

    MANUEL ARAÚJO mais uma vez as minhas desculpas por esta ” Picardia “

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s